terça-feira, 21 de junho de 2016

Jogos E3 2016: FIFA 17

Fifa 17 maior novidade é o modo historia e o novo motor Frostbite



Junto com a usuais melhorias do jogo prometidos para pela EA (como novos lances de bola parada, reformulação do jogo físico e melhorias no IA (inteligencia artificial)) o anúncio mais intrigante para o FIFA 17 veio na forma de um modo história(History Mode) chamado The Journey. Estrelado por uma estrela jovem Premier League, Alex Hunter.

FIFA 17 também contará com os gestores da vida real no jogo, com José Mourinho se juntar Peter Moore no “London EA Play” evento para anunciar o recurso. Mas não foi confirmado se esse modo estará presente  nos consoles de video games, ou será exclusivo do jogo de PC.


Novo Motor Gráfico FrostBite

Fifa 17 agora irá utilizar o motor gráfico (engine) Frostbite, que também é usado em outros títulos da Electronic Arts como Need for Speed, Dragon Age e nos futuros lançamentos Battlefield 1 e Mass Effect: Andromeda. Esse motor além da melhora gráfica que trará ao jogo, foi ele que possibilitou o desenvolvimento do modo historia (o novo modo carreira de Fifa 17, não substitui os outros modos já existentes).  Confira a seguir o video sobre o novo modo do jogo:




Confira o que Matthew Prior, diretor criativo de FIFA 17, falou sobre o jogo

"É um ano muito importante para nós, por vários motivos. Em primeiro lugar há a mudança para o Frostbite, um novo motor de jogo que nos permite abordar FIFA de forma mais criativa. Isso permitiu-nos criar o que estamos a discutir hoje, The Journey, um modo de jogo que não seria possível sem o Frostbite."

Sobre a jogabilidade de Fifa 17:

"Não ignoramos a jogabilidade. Uma das maiores mudanças foi na área dos lances de bola parada, que foram totalmente redesenhados de raiz. Implementamos um sistema de física e de drible novo que muda muita coisa, e criamos a Inteligência Ativa, que é uma grande novidade. Os jogadores vão mover-se de maneira diferente pelo relvado à procura de espaço, e vão pensar com maior antecipação nas jogadas. É um nível completamente novo de inteligência artificial, mas também acrescentamos mais técnicas de remate. Podem chutar rasteiro e forte, que não era possível antes.
Mesmo que ignorássemos o Frostbite e Journey, este continuaria a ser um grande ano para FIFA só em termos de jogabilidade. Mudamos mesmo muita coisa, mas não precisam de se preocupar com demasiadas mudanças, porque temos recebido grande feedback de eventos, unânime de que as mudanças são muito boas. Além disso ainda temos alguns meses para afinar a experiência."



Nenhum comentário:

Postar um comentário